Inspiração e transpiração

Acabo de escrever um pequeno texto para uma amiga, uma apresentação para seu blog de moda. Não me é um assunto familiar, mas ela ficou muito satisfeita com o resultado. Isso me faz pensar nessa coisa de escrever. Como determinados temas, às vezes pouco distantes de nossa realidade, rendem textos bons. E outros assuntos, sobre os quais até sabemos mais, tornam-se áridos, como se as palavras escapassem, as expressões se escondessem do escritor, o vocabulário surge repetitivo e pobre. Talvez sejamos seletivos na hora de escrever e até mesmo bloqueamos a inspiração. Outra vezes não podemos nos dar a esse luxo: a inspiração aparece como o cachorrão preto correndo atrás da gente. Enfim, tem texto que flui e tem outros que empacam. Por isso deve ser árdua a tarefa de escrever diariamente, estejamos ou não inspirados. Não é à toa que o grande Saramago guardava um segredo: se rendia a uma partidinha de freecell antes de sentar-se diariamente para escrever. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s